fbpx

Guinchos com sistema de fricção: quais cuidados priorizar?

Os guinchos com sistema de fricção da Robustec são excelentes alternativas para suspender linhas de comedouro, já que contam com alta eficiência, durabilidade, proteção contra intempéries, tratamento térmico, além de ampla linha de acessórios.

Porém, para obter o máximo rendimento do equipamento, alguns cuidados são indispensáveis, uma vez que permitem um uso mais eficiente do material e ainda ampliam a vida útil dos seus componentes.

Se você possui guinchos com sistema de fricção, ou mesmo atua em sua venda e quer garantir as orientações mais adequadas possíveis aos seus clientes, confira o artigo que preparamos com as melhores dicas para sua utilização! 

Como utilizar os guinchos com sistema de fricção adequadamente?

Antes de apresentar alguns dos cuidados mais importantes para o uso dos guinchos com sistema de fricção, também é fundamental relembrar seus meios corretos de manuseio. 

Em primeiro lugar, lembre-se de que, ao fazer o acionamento do guincho, a alça deve deslizar no eixo acionador sem travar, apertando a fricção e liberando-a para fazer o correto acionamento.

Para fazer o levantamento das linhas de comedouro, a manivela do guincho deve ser girada no sentido horário, conforme é indicado no carretel. Observe que o sentido de giro do carretel e o sentido de giro da alça são horários, como aponta o adesivo. 

Para baixar a carga, basta girar a alça no sentido anti-horário, que fará o carretel se mover na mesma direção. A indicação também é presente no equipamento, na seta “Desce”. 

Quando é feita a parada do guincho, observe sempre a frenagem. Para isso, após a parada, inverta o sentido de giro da alça no sentido de subida do guincho, girando no sentido horário até ouvir ao menos dois clicks do gatilho. 

Com esses procedimentos em mente, no próximo item, confira os principais cuidados para utilizar os guinchos com sistema de fricção sem problemas! 

Quais as práticas mais importantes durante o uso?

Ao respeitar todas as etapas que mencionamos acima, certamente os guinchos com sistema de fricção não apresentarão falhas durante o uso. 

Porém, ainda existem algumas recomendações importantes, capazes de preservar ainda mais o equipamento e otimizar suas funções. São elas: 

  • Para uma descida suave e sem travamentos, o guincho necessita de uma carga mínima de 40% de sua capacidade;
  • A fricção não deve ser submetida ao contato com a graxa, óleo ou qualquer outro lubrificante, pois ela acabará perdendo a ação, podendo ocasionar a descida do peso;
  • O uso da furadeira é um procedimento não recomendado, devido à sua alta rotação, que pode superaquecer o sistema de fricção e provocar o seu desgaste (a Robustec disponibiliza um sistema de acionamento para o guincho, com a velocidade e sistema corretos);
  • Nunca utilize o guincho ou qualquer outro produto para movimentação humana;
  • Ao higienizar os aviários, é necessário isolar o sistema de fricção, evitando que as arruelas umedeçam;
  • Realize sempre uma inspeção visual para verificar se as engrenagens estão em perfeitas condições, se os parafusos de fixação estão bem apertados e se o cabo de aço está em boas condições. 
  • Lubrificar o carretel na graxeira do eixo – Lubrificar o engrenamento do guincho – Lubrificar o eixo acionador e a alça cuidando para não lubrificar o sistema de fricção

Viu como é fácil garantir o melhor desempenho dos seus guinchos com sistema de fricção? Se você procura pelos equipamentos que oferecem o que há de melhor nesse segmento, clique aqui e conheça as soluções da Robustec! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *